Agora o investimento em BDR está disponível para todos

110 views
Agora o investimento em BDRs está disponível para todos

Desde o dia 22 de outubro de 2020, o investimento em BDR já está disponível para todos os brasileiros, inclusive para os pequenos investidores. Isso quer dizer que agora qualquer brasileiro já pode comprar uma ação de uma empresa estrangeira como Dysney, Amazon ou Apple, por exemplo. E, sem nem precisar enviar os recursos para o exterior.

É interessante lembrar que antes disso, somente os investidores qualificados podiam comprar BDRs aqui no Brasil. Investidores qualificados são aqueles que possuem pelo menos R$ 1 milhão em investimentos financeiros.

Mas, afinal… O que são BDRs?

 

O que é um BDR?

BDRs são certificados negociados aqui no Brasil, os “Brazilian Depositary Receipts”, que representam ações de empresas estrangeiras e ETFs (Exchange Traded Funds), fundos de índices negociados em mercados reconhecidos.

A esta altura, talvez você se pergunte: mas existem vantagens nessa mudança?

Sim! Uma grande vantagem desta novidade é que não será preciso fazer o câmbio, abrir uma conta em uma corretora estrangeira e nem se submeter às regras de sucessão de outros países, por exemplo.

Essa é uma ótima notícia, pois os investidores locais aumentaram muito o seu leque de opções e terão acesso a ativos estrangeiros. Poderão investir em várias novas alternativas por meio da B3, que é a nossa Bolsa de Valores.

Para se ter uma ideia, hoje temos listadas na B3, em torno de 400 empresas brasileiras (veja a lista completa aqui) e mais de 600 BDRs (veja a lista completa aqui). Sendo que nem todos esses BDRs são americanos… Alguns são da Europa, do Reino Unido e até da China e do Japão. E, muitas outras empresas estrangeiras estão por vir.

 

Cuidados ao investir em BDR

Embora a novidade venha a facilitar o investimento fora do país, é necessário deixar claro que há riscos…

É preciso ficar atento em relação ao risco em investir em BDR. Pois além de o investidor ficar exposto às variações do preço por conta do sobe e desce do valor da empresa, também fica sujeito às oscilações do câmbio, já que esses ativos não têm proteção cambial.

Além disso, o que sempre digo e aqui não é diferente: entendo que comprar BDRs, assim como ações, faz sentido se a pessoa tiver bastante tempo, disposição e aptidão para estudar as empresas, o mercado, o setor e a economia.

Se assim for, acredito que a pessoa poderá tomar decisões de compra ou venda bem embasadas.

De outra forma, existem várias opções para também investir nesses ativos, mas por meio de fundos de investimento, onde um gestor profissional escolherá os ativos e acompanhará o mercado pelo investidor.

Outra questão é que os BDRs não são isentos de tributação para vendas de até R$ 20 mil no mês como nas ações e seus dividendos são tributados.

 

Devo investir em BDRs?

Os BDRs são uma ótima opção para diversificar o portfólio em mercados estrangeiros, ativos diferentes e também em outras moedas. Do ponto de vista de diversificação, faz sentido, sim.

Em geral, quando o Brasil passa por uma crise, os investimentos locais caem. Por outro lado, sua moeda se desvaloriza e os investimentos do exterior sobem pela variação do câmbio, compensando essa queda.

Mas, é claro que é necessário entender se esse investimento é adequado. Sendo assim, é importante entender quais são os objetivos, horizonte de investimento e perfil de risco para saber se esse investimento faz sentido ou não na carteira de investimentos de cada um.

 

O que achou da novidade dos BDRs estarem disponíveis para todos? Espero que esse texto tenha contribuído para um melhor entendimento sobre o assunto! Bons investimentos!