Cuidado! Há o risco de perder dinheiro no título Tesouro Prefixado!

229 views

Sim, é verdade! Ao contrário do que a maioria das pessoas acredita, mesmo sendo um investimento em renda fixa, há o risco de perder dinheiro no título Tesouro Prefixado! Este foi o tema de um artigo que escrevi para a Coluna Consultório Financeiro do Jornal Valor Econômico, publicado nesta segunda. Clique no botão abaixo para ler o texto.

Se você tem dúvidas quanto a isso e acredita que este título seja blindado às perdas, nas linhas a seguir vou lhe explicar porque as coisas não funcionam bem desse modo…

 

Tesouro Prefixado: os 3 tipos de risco

O título do Tesouro Prefixado é um investimento que, como todo investimento em renda fixa, possui três tipos básicos de risco:

1) Risco de crédito

É a chance de o devedor não honrar o compromisso que ele tem de lhe pagar. No caso do Tesouro Prefixado, este risco existe, mas é o menor oferecido pelo país, já que o devedor é o Governo Federal, que garante o seu pagamento.

2) Risco de Liquidez

É o risco de não encontrar pessoas ou instituições dispostas a comprar o seu título quando você desejar vendê-lo. Quanto ao Tesouro Prefixado, este risco também é mínimo, já que o Tesouro Nacional garante às pessoas físicas a recompra diária dos títulos do Tesouro Direto.

3) Risco de Mercado

É o risco associado às oscilações de preço de um determinado ativo. É aqui que mora o maior de todos os riscos do Tesouro Prefixado, o risco de você efetivamente perder dinheiro com este investimento, e eu vou lhe mostrar porque…

 

Como é possível perder dinheiro no título Tesouro Prefixado?

Um título do Tesouro Prefixado tem como característica o fato de que sempre estará valendo R$ 1.000,00 na data do seu vencimento. E então, como se calcula os juros da data da compra até a data do vencimento?

Simples! Apenas para ilustrar, se você fosse comprar um título desses hoje, com taxa de juros prefixadas em R$ 10% (ao ano) e com vencimento para daqui a exatamente um ano, o seu valor seria de R$ 909,00 na compra. Ao longo de um ano você ganharia os 10% combinados no momento da compra e, no vencimento, o título estaria valendo R$ 1.000,00, de modo que você teria ganho cerca de R$ 91,00 (equivalente a 10%) neste período.

Tudo certo até aqui? Mas… A esta altura, você deve estar se perguntando: Leticia, afinal, onde eu posso perder nesta operação? Lembra-se do risco de mercado que citei acima? Pois é…

Resgatando o nosso exemplo, imagine que, neste mesmo dia, depois de você ter comprado o título por R$ 909, tenha ocorrido uma mudança severa de cenário e a taxa de juros suba para 25% ao ano. Neste caso, usando o mesmo raciocínio que demonstrei anteriormente, quem for comprar um título nesta nova taxa pagará por ele R$ 800,00, de modo que ele feche o período de um ano valendo R$ 1.000,00.

Mas… E o que dizer de você que, apenas algumas horas antes, comprou um título igual pelo valor de R$ 909,00? Repare que ninguém irá querer comprá-lo de você pelo valor de R$ 909,00 já que qualquer pessoa pode comprar o mesmo papel por R$ 800,00. Logo, o seu investimento que valia R$ 909,00 passou a valer apenas R$ 800,00.

É importante registrar que este raciocínio de perda se aplica somente na hipótese de você vender o título antes do vencimento, já que, no vencimento, ele valerá R$ 1.000,00, independentemente da taxa de juros de mercado. Quando você mantém o título até o seu vencimento, você receberá de juros, exatamente o que foi contratado no momento da compra. Desta forma, você não perderá dinheiro, ou seja, receberá no vencimento um valor maior do que o valor investido.

 

Ganhar dinheiro, mas perder da inflação

Há mais um importante conceito que eu não tinha citado no texto do Valor, devido à restrição de espaço para a Coluna: também é possível ganhar dinheiro com uma rentabilidade positiva no título Tesouro Prefixado, mas perder da inflação.

Vale lembrar ainda que se a inflação, por exemplo, for de 15% neste período e o seu título, remunerou o seu dinheiro em apenas 10%, você terá perdido poder de compra, ou seja, sua rentabilidade não terá nem acompanhado a subida dos preços e, de forma relativa, você terá perdido dinheiro, comprará menos após um ano do que comprava com aquele valor investido no título.

 

O outro lado da moeda

É verdade também, que existe o outro lado da moeda e, se os juros caírem, você poderá ganhar bastante dinheiro. Imagine que agora os juros baixaram para 5% ao ano… Agora o preço do seu título subiria para R$ 952,38. E, desta forma, você teria uma rentabilidade bem interessante!

 

Viu como é preciso ficar atento e conhecer os riscos aos quais estamos expostos, pois existe a possibilidade de perder dinheiro até com os títulos de renda fixa considerados os de menores riscos do mercado, já que são garantidos pelo Governo. Fique bem atento às suas escolhas e opções de investimento, e tenha sempre um planejador financeiro certificado para lhe ajudar nesta empreitada.