Custo de oportunidade: o preço de uma decisão

83 views

Você já ouviu falar em custo de oportunidade? Que tal aprender um pouco mais sobre isso e poder analisar o custo das suas decisões financeiras?

 

O que é custo de oportunidade?

Custo de oportunidade nada mais é do que o custo que toda decisão carrega em si, já que quando decidimos a favor de uma opção, estamos automaticamente renunciando às outras.

Para facilitar, vou tentar lhe explicar por meio de um exemplo: imagine que você tenha vontade de viajar para a Europa e também de fazer um curso de especialização. Porém, você só tem dinheiro e tempo para um dos dois. Se você decidir ir para a Europa, o seu custo de oportunidade seria deixar de fazer o curso. Porém, se você decide o contrário, o seu custo de oportunidade será a viagem.

Repare que esta lógica se aplica a diversas ocasiões em nossas vidas, e que ao optarmos por uma coisa, temos um custo em termos de algo que foi renunciado. Podemos considerar o custo de oportunidade como o ganho que poderia ter sido obtido com um uso alternativo dos recursos (tempo e dinheiro, no exemplo acima).

 

O custo de oportunidade em finanças

Recentemente escrevi um artigo para a Revista Em Condomínios onde tratei deste tema (clique aqui para ler o artigo). Nesse artigo, comentei que aprendi este conceito em minhas aulas de economia na faculdade em que o exemplo foi: por mais que eu pudesse cuidar do meu jardim da melhor forma possível, eu poderia ganhar mais por hora de trabalho como economista. Assim, se eu optasse por cuidar do meu jardim, meu salário como economista seria meu custo de oportunidade.

Com isso, trazer este conceito para o mundo das finanças não é difícil… Basta pensar que o custo de oportunidade de optar por um investimento é o rendimento que eu poderia obter em outras opções de produtos financeiros.

Como eu exemplifiquei no artigo citado, se escolho investir meu dinheiro em ações, por exemplo, meu custo de oportunidade é o rendimento que teria ao investir estes recursos em renda fixa.

Como se pode perceber, as escolhas de nossas vidas têm o seu custo de oportunidade e o mesmo acontece também no mundo dos investimentos. Convencionalmente utilizamos o CDI como parâmetro de comparação, já que é a rentabilidade que um investimento conservador poderia receber.

Assim sendo, considerando que o CDI acumulado este ano está em torno de 8,5%, o custo de oportunidade de deixar seu dinheiro embaixo do colchão seria este percentual, já que algo próximo à esta rentabilidade poderia ser obtido em vários produtos conservadores disponíveis aos investidores (Tesouro SELIC), por exemplo.

Uma ideia análoga serve para quem quer investir seus recursos, mas ainda tem dívidas para pagar. Nesse caso, os juros deste empréstimo seriam o custo de oportunidade, já que a escolha seria entre investir ou pagar a dívida.

Conhecer o significado do termo “custo de oportunidade” pode lhe ajudar a tomar decisões mais saudáveis no futuro, considerando também o custo das alternativas ao uso dos recursos.